Difícil não é sentir a falta de quem nos faz falta.
É pensar no tempo que falta, no tempo que não volta e sufoca, e nas voltas da vida que o tempo nos dá. Fica a esperança de que o tempo aqui me sorria e me traga a vida de volta.
E tem sorrido...


10.7.08

Luandando

- Vamos indo, vamos andando.
É costume dizer-se assim por aqui, quase sempre como resposta ao "Bom dia, como vai?" de todos os dias.
E de facto tem sido assim: Vou indo e vou andando. Vou e ando sem contar as horas nem os dias. E muito menos conto os minutos. Não. Penso em grande e conto só as semanas. As semanas que faltam...
Que estranha é a forma da vida. Como ela tudo nos muda e nos faz mudar. É estranho quando há dias em que nem entendo que um dia pensei fazer por cá a minha vida. Ou ir fazendo, ao menos... Ir vivendo por cá, como já pensei e desejei outrora. Mas tem dias. Há uns em que acordo e até o sol brilha, e outros há em que adormeço e a lua nem vê-la. E assim ando neste "gosto, não gosto" de Luanda há já algum tempo... Era decisão nada fácil.
Mas agora a Vida decidiu por mim: - Ah e tal, eu até gosto disto, as coisas em Portugal não estão nada fáceis para quem quer trabalhar, aqui está sempre bom tempo, o combustível está bem mais barato... Mas a verdade é que o caminho não se faz parado, nem a vida se faz apenas com o presente. E a vida é que sabe de nós.
Pois já passou um ano desde que conheci Luanda, e em um ano desconheci-me e reencontrei-me de novo. Foi um ano em que tudo me aconteceu: rodopiei sobre mim mesmo, pairei sobre o meu mundo, ponderei e realinhei a minha vida, como um rio que é capaz de decidir o seu curso. Agora só falta tudo o que mais me falta: o pouco que ainda não tenho.
O tempo as emoções e os dias que tardam mas voam não me permitem actualizar este blog. Juro que não é por falta de tempo nem de emoções... (e nada mesmo no que respeita a emoções vividas!) Mas sobretudo é o meu tempo que é outro. É o tempo voltado para o futuro. É o tempo de pôr um fim no recomeço e um princípio no infinito.
Cá vou indo então por Luanda.
Vou bem, vou luandando.

9 comentários:

Anónimo disse...

Coiranito

Por cá também "Vamos indo, vamos andando..." e que a vida faça o resto....

Aquele Abraço meu amigo

paula disse...

Olá Pedro,

Parabéns,acho que sabes ao que me refiro.

Um grande beijinho para vocês.

Paula Beja

Anónimo disse...

Pareces-me um pouco triste com o que te resta por viver ai em luanda, mas aproveita bem e sorri todos os dias para a vida vais ver que tudo melhora. O teu sol em luanda nem sempre brilha mas deixa-me dizer-te que o sol nem sempre brilha mas existe para iluminar o nosso caminho. Verás que o futuro te trará coisas muito boas.... assim espero.
beijinhos e aaudades Ana Isabl.

TRE disse...

Como eu te compreendo...

Zé Kahango disse...

Saudações de um blogueiro amigo de Angola!

Anónimo disse...

Ola Peter.

Estive a ler o teu blog e nao ha duvida que Luanda é um mundo a descobrir! Desde julho de 2008 que nao postas, ainda continuas por Luanda?
Cumprimentos.

Anónimo disse...

Your blog keeps getting better and better! Your older articles are not as good as newer ones you have a lot more creativity and originality now keep it up!

Lauro C. Pedot disse...

Ótimo blog. Desejo conhecer um dia a cidade de Luanda. Angola é um país que nós brasileiros respeitamos muito, uma terra especial que também fala o português.
Um abraço a todos os povos do mundo que falam o portugues.

Pedot, Lauro
Brasil

João Ferreira disse...

Olá Peter,
Gostaria de lhe pedir uma colaboração de blogger!

Tenho um blog de Portugal, e estou a recolher imagens de vários pontos do mundo! como por exemplo esta foto:
http://planoclaro.blogspot.com/2011/07/plano-claro-em-nova-iorque.html

Achas que me podias tirar uma foto idêntica de Luanda! com o blog planoclaro inserido na imagem?

Blog Directory - Blogged